quinta dimensão

Sobre manipulações

Somos seres frequenciais. Tudo aquilo que compõe nossos corpos, mentes, almas, é feito de energia. O que difere um do outro é apenas a frequência em que vibram as partículas, definindo o nível de densidade de cada um.

A nossa comunicação também é frequencial. Apesar de usarmos palavras para compor aquilo que desejamos expressar, além de movimentos, expressões, olhares, o que transmitimos de fato é o que estamos sentindo. Por isso mesmo, muitas vezes temos sensações desagradáveis ao conversar com alguém, mesmo que este utilize palavras doces e gentis. Isso ocorre porque nossa percepção da frequência é imediata.

Porém, como a mente ainda tem domínio sobre nós, toma a frente e tenta justificar aquela percepção como um engano, já que o que ela está vendo e ouvindo é mais denso do que aquilo que estamos sentindo. Assim estamos condicionados: aceitar o que vemos, ouvimos, como verdade absoluta em detrimento do que sentimos e percebemos.

Muitas pessoas utilizam recursos puramente mentais para tentar manipular a percepção das outras, a fim de adquirir benefícios próprios. Ocorre que, devido ao avanço da quinta dimensão, - segundo alguns canais, a Terra já vibra na quarta - e redução da densidade do planeta e também dos seres humanos, esse tipo de comportamento já não passa despercebido tão facilmente.

A cada dia que passa, estamos mais preparados para fazer uma leitura frequencial limpa de tudo o que se manifesta diante de nós. A intuição tem se tornado mais apurada e consequentemente, sem explicação, sabemos quando uma pessoa está mentindo, ou tentando utilizar recursos de baixa vibração para nos manipular. É possível compreender além das palavras que nos são ditas. Por isso mesmo, tanto em nossas vidas pessoais quanto nos cenários sociais e políticos mundiais, as máscaras têm caído e segredos estarrecedores têm sido revelados.

É muito importante neste momento estarmos alinhados com as nossas verdades, exercitarmos a transparência e retidão em nossos pensamentos e ações, a fim de atrairmos para nossas vidas pessoas que estejam vibrando de forma igual ou parecida. Automaticamente, pessoas que estejam vibrando em outras frequências já não encontrarão mais meios de permanecer em nossos caminhos. Semelhante atrai semelhante. Essas pessoas não devem ser julgadas, pois não têm ainda consciência da sua verdadeira natureza, e em seu devido tempo, também sentirão necessidade de se transformarem para o próprio bem.

Cuidemos de nossas frequências, permaneçamos atentos ao que sentimos ao nos deparar com pessoas, textos, vídeos, mensagens de todos os tipos, criando um filtro e eliminando aquilo que não ressoa conosco e então estaremos trilhando o caminho que nos revela a passagem para a nova era de paz e luz que já está disponível.

D.C.B.

Sobre manipulações - árvore do amor. É muito importante neste momento estarmos alinhados com as nossas verdades, exercitarmos a transparência e retidão em nossos pensamentos e ações, a fim de atrairmos para nossas vidas pessoas que estejam vibrando de forma igual ou parecida.

Imagem: Pixabay

A ascensão planetária

O fato termos disponível a possibilidade de ascensão a uma nova era de quinta dimensão não significa que ela seja automática para todos. O acesso a ela se dá por livre escolha, como manda a lei universal do livre arbítrio.

A transição para a quinta dimensão não é um acontecimento apocalíptico no sentido de fim do mundo, mas possibilita o fim de um modo de vida com base no sofrimento e ilusão e permite ascender a níveis mais elevados de estado de ser.

Aqueles que decidirem (ou decidiram) ascender o farão aos poucos. Uma boa referência de nível de consciência é a escala de Hawkins. A terceira dimensão tem sua base nas vibrações mais baixas. Não significa que vivendo nessa dimensão não se acessam as frequências mais altas, mas isso se dá por pouco tempo (exceto aos já ascensos), pois nossos corpos estão alinhados com a matéria densa e somos puxados de volta ao nosso estado vibracional de base.

Devido à instauração da quinta dimensão no nosso planeta, nossos corpos estão sendo adaptados para se alinhar com a nova base. Significa que, uma vez tendo vontade de ascender, começamos a despertar para o nosso direito divino de sermos plenos e felizes. Isso começa com uma vontade imensa de se libertar de todo tipo de sofrimento, a busca por respostas e alívio das angústias. Isso é o que chamamos de "despertar".

Efetivamente, essa ascensão ocorre aos poucos de acordo com nossa consciência. Porém, uma vez que nos elevamos a uma oitava acima, essa passa a ser a nossa base. Isso não garante que não acessaremos as mais baixas vibrações novamente, mas estaremos nelas cada vez menos vezes e por menos tempo.

Poderemos perceber que aquelas fases de tristeza, depressão profunda, raiva, medo, culpa, durarão cada vez menos tempo, pois nossa nova base estará nos puxando de volta para cima.

Enquanto estivermos habitando o corpo físico, estaremos sujeitos a experienciar as dores e alegrias de sermos humanos. Mas a forma como reagiremos a essas experiências é que serão diferentes. Ascender é chegar mais perto do nosso estado original que é a conexão plena com a Fonte Criadora da qual nos separamos voluntária e temporariamente para experienciar a vida na matéria densa.

O acesso às dimensões mais elevadas está disponível a todos, independente de religião ou filosofia de vida. Ele precisa ser feito sem ilusões de grandes eventos sobrenaturais. Não haverá esse tipo de manifestação (não sob nossa percepção consciente).

O apocalipse, a ascensão, a transição, independente do nome ou rótulo, é um movimento natural do universo que inclui o nosso planeta, mas é também uma trajetória pessoal, única e intransferível, e cada um de nós o fará ou está fazendo do seu próprio modo, de acordo com o nível de consciência e vontade.

Permita-se despertar para uma vida de ascensão consciente e eleve seus sentimentos buscando atender aos anseios do seu coração. Tome decisões com base no amor e não no medo. Assuma o seu poder divino e seja perseverante para enfrentar as turbulências que porventura se manifestem. Elas são parte do processo e no devido momento também irão passar.

D.C.B.

Imagem: Pixabay

Rolar para o topo